quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

Doria vai multar secretários que chegam atrasados aos eventos e reuniões

O prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), vai multar os secretários que chegarem atrasados nos compromissos. Quem desrespeitar os horários dos eventos e reuniões vai ter que pagar multa de R$ 200 a cada 15 minutos de atraso.
Agora, os 22 secretários da nova gestão terão que ser pontuais. O valor arrecadado será destinado a um Fundo que será criado pela Secretaria dos Direitos Humanos e Cidadania. Posteriormente, o dinheiro será doado para instituições de caridade.
“A gente com certeza vai fazer uma lista de entidades serias com balanços auditados. Agora vou torcer para todo mundo atrasar”, brincou a secretaria Patricia Bezerra.
O secretário municipal de obras, Marcos Penido, disse que a multa é para que todos levem os compromissos à sério. “Além da questão do bolso que dói bastante, ninguém quer ser o atrasadinho da turma”
Se a medida estivesse valendo desde o início da semana, a secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social seria multada. Ela chegou atrasada ao evento em que o prefeito João Doria e secretários estavam vestidos de gari. Quando chegou ao mutirão Cidade Linda, o prefeito já havia ido embora. Ela também se atrasou para a primeira reunião de Doria com o secretariado e ainda foi vestida de gari, já que não teve tempo de trocar de roupa. Soninha disse que perdeu a hora. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário