sábado, 3 de dezembro de 2016

Mossoroense foi preso com escopeta, fuzil e explosivo no estado de Goiás

 
Na manhã desta quinta-feira 01 de dezembro de 2016, o Serviço de Inteligência do 28° BPM, recebeu uma denúncia anônima que indicava que um criminoso conhecido como Vei Lourenço, estava em Anápolis/GO, se reunindo com outros criminosos para juntos explodirem a agência da CEF da cidade de Silvania/GO.
Assim, foi realizado o monitoramento do criminoso, que se dirigiu para a cidade de Goiânia/GO, sendo acompanhado por Equipe de Inteligência e Equipe do TÁTICO do 28° BPM, sendo acionado o apoio das Equipes do GRAER.
Quando na cidade de Goiânia/GO, o criminoso se encontrou com um comparsa na praça de alimentação de um Hipermercado, momento em que foi procedida a abordagem policial. Foram realizadas diligências, sendo encontrando e aprendido um Fuzil, Cal 556, com seis carregadores e 180 munições Cal 556 intactas, uma Escopeta Cal 12, Boito, com 154 munições Cal 12 intactas, duas Emulsões (dinamites) prontas para serem utilizadas, luvas, bala clava, redes de selva e materiais para acampamento.
Durante as entrevistas, os detidos confessaram que estavam usando documento falso, tendo como nomes verdadeiros, Laurencio Francisco da Silva, vulgo: Veio Lourenço, 48 anos, Edvan Esteves, 43 anos e o mossoroense Thiago Henrique Souza Silva, Vulgo: Cavalo, sendo então conduzidos para a Sede da Polícia Federal, Goiânia/GO, onde foram autuados em flagrante delito.
Os Policiais do 28º BPM e do Graer, evitam mais crimes de explosões de caixas eletrônicos que ocorreriam. Realizando a prevenção.
Operação coordenada pelo Maj PM Câmara, Cmt do 28º BPM.
Thiago Henrique foi preso no dia 20 de julho do corrente ano em Mossoró com armas, munições de fuzil e um carro blindado (Relembre AQUI).Na ocasião também foi preso Rafael Robson de Souza Gomes, conhecido como "Rafael Pestinha"; que foi assassinado no bairro 12 anos no último dia 20 de novembro.

Fonte: Passando na Hora

Nenhum comentário:

Postar um comentário