segunda-feira, 20 de março de 2017

Presos de Alcaçuz são colocados todos no mesmo pavilhão

Cerca de 800 presos que estavam nos pavilhões 1, 2 e 3 de Alcaçuz foram transferidos para o Pavilhão 5, o presídio Rogério Coutinho Madruga, que já tinha aproximadamente 400 detentos. A operação é realizada na manhã desta segunda-feira, por agentes da força tarefa de intervenção penitenciária.
O Pavilhão 5 é onde estão os presos da facção PCC, que no dia 14 de janeiro teriam invadido o Pavilhão e matado pelo menos 26 rivais da facção Sindicato do RN. Desde as rebeliões registradas em janeiro, o Governo do Estado havia separado as duas facções, inicialmente, por uma barreira de contêineres e, depois, por um muro de blocos de concreto.
Agora, com essas transferências, integrantes das duas facções estarão no mesmo pavilhão, mas a força tarefa da intervenção penitenciária, que é coordenada pelo Departamento Penitenciário Nacional dará reforço na segurança com cerca de 100 agentes atuando na unidade.
A retirada dos cerca de 800 presos dos pavilhões 1, 2 e 3 é para a realização de obras de recuperação das unidades que foram totalmente destruídas durante as rebeliões em janeiro.

Fonte: Portal BO

Nenhum comentário:

Postar um comentário