terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Padeiro é morto a tiros na calçada de lanchonete no Belo Horizonte e assustado o dono diz "Não vou mais abrir"

Imagem
A cidade de Mossoró, no Oeste do Rio Grande do Norte, voltou a registrar mais uma morte violenta, provocada por disparos de arma de fogo.
Por volta de 11 horas da noite de segunda-feira, 20 de fevereiro, Edivanilson Monteiro de Oliveira, de 31 anos de idade, foi surpreendido e morto na calçada de uma lanchonete na esquina das Ruas Dom Hélder Câmara com a Padre Américo no bairro Belo Horizonte.
Segundo informações, Edivanilson estava sentado na calçada da lanchonete aguardando um sanduíche e conversando com o proprietário, quando os criminosos chegaram de motocicleta anunciando um assalto.
A equipe de perícia criminal identificou sete perfurações, provocadas pelos disparos, mas apenas quatro projetis foram encontrados no local. Os elementos fugiram sem levar nada. O carro de propriedade da vítima ficou estacionado na frente da lanchonete e aparentemente não foi mexido.
Segundo informações, Edivanilson não tinha qualquer envolvimento com ilícitos e nunca havia sido preso. Familiares, conhecidos e colegas de trabalhos dele, desconhecem qualquer coisa que possa justificar o crime, a não ser alguns namoros com mulheres do bairro vizinho.
Depois dos procedimentos no local, realizados pelas equipes da Delegacia de Plantão e no Instituto Técnico e Cientifico de Pericia “Itep” o corpo foi removido e será necropsiado na base da Unidade do órgão em Mossoró.

Fonte: O Câmera

Nenhum comentário:

Postar um comentário