sábado, 26 de novembro de 2016

Caicó: Polícia assegura que homem não morreu de murro

erivaldo
A Polícia Civil, através do delegado Leonardo Germano, esclareceu alguns fatos relativos à morte de um cidadão caicoense. A Polícia Militar foi acionada para atender uma ocorrência no bairro Nova Caicó, zona Norte da cidade.
Erivaldo da Silva, proprietário do antigo Bar do Erivaldo, no bairro Paraíba, veio a óbito em circunstâncias até aquele momento não esclarecidas. De pronto, a autoridade policial civil passou a analisar o caso, tendo o cuidado de ouvir os militares envolvidos na ocorrência e testemunhas, inclusive se deslocando ao Hospital Regional para completa análise do caso.
Naquela unidade foi ouvido o médico que atendeu a ocorrência e familiares de Erivaldo, tendo ouvido destes que ele já sofria de problemas cardíacos, já tendo inclusive sofrido desmaios anteriormente.
Chegou-se a conclusão que o caso foi uma fatalidade. Não houve agressão, conforme veiculado em algumas redes sociais. O que ocorreu foi uma discussão verbal entre Erivaldo e o senhor Francisco Nogueira dos Santos, os quais são amigos.
O motivo da discussão foi porque Francisco mandou Erivaldo para casa, diante de seu estado de embriaguez. Erivaldo saiu contrariado e, exasperado emocionalmente, teve um ataque cardíaco, não resistindo e vindo a óbito. O procedimento será formalmente concluído e encaminhado à Justiça como de praxe.

Fonte: Robson Pires

Nenhum comentário:

Postar um comentário