O Repórter do Povo

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Policial civil reage a assalto, atira em bandido e acaba ferido

Um policial civil da 4º equipe de plantão da zona Norte foi vítima de uma tentativa de homicídio na noite desta quarta-feira (8). Almir Garrido do Nascimento flagrou a ação de um assaltante em uma farmácia no bairro Nordeste e resolveu render o bandido. O assaltante reagiu e houve uma intensa troca de tiros culminando com os dois feridos no local.
De acordo com o soldado Milton, do 9º Batalhão, o assalto aconteceu na farmácia Saúde, na rua Tomé de Souza. Dois homens chegaram ao local a pé, um ficou do lado de fora e outro entrou no estabelecimento e anunciou o assalto. Neste momento o policial civil chegou para se encontrar com um familiar e percebeu que a farmácia estava sendo assaltada.
Com isso ele tentou render o bandido, mas acabou acontecendo uma troca de tiros. “O assaltante não obedeceu a ordem do policial e atirou atingindo o agente na perna, braço e virilha. O bandido também foi alvejado”, disse.
Depois de baleado o bandido ainda tentou tomar de assalto um veículo, mas não resistiu aos ferimentos e caiu dentro do carro. Ele foi socorrido para o pronto socorro Clóvis Sarinho juntamente com o policial. De acordo com informações repassadas pela guarda da unidade hospitalar o estado de saúde dos dois não é grave.
A reportagem do Portal BO conversou com uma das vítimas do assalto da farmácia e ela revelou que o assaltante estava bastante nervoso e que a Todo momento prometia matar a todos. Com a chegada do policial ele começou a atirar. Foi terrível, Eu pensei que ia morrer naquela hora”, relatou. A arma usada pelo assaltante foi apresentada pela polícia e estava com as seis cápsulas deflagradas.

Fonte: Portal BO