O Repórter do Povo

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Currais Novos: tal pai, tal filho, ou, tal filho, tal pai?


Segundo o site do Tribunal de Justiça, o ex-vice-prefeito de Currais Novos, José Vilton da Cunha, responde a 1 (um) processo criminal por eventuais crimes contidos na Lei de Licitações, 3 (três) processos por improbidade administrativa e a uma Execução Fiscal movida pela Fazenda Nacional.
Confira a relação de processos que ele responde:
0000534-79.2009.8.20.0103 (103.09.000534-3) Ação Penal – Procedimento Ordinário / Crimes da Lei de licitações
Acusado: José Vilton da Cunha
0000730-49.2009.8.20.0103 (103.09.000730-3) Ação Civil de Improbidade Administrativa
Requerido: José Vilton da Cunha
0000793-74.2009.8.20.0103 (103.09.000793-1) Ação Civil de Improbidade Administrativa
Requerido: José Vilton da Cunha
0001000-73.2009.8.20.0103 (103.09.001000-2) Ação Civil de Improbidade Administrativa
Requerido: José Vilton da Cunha
0002956-90.2010.8.20.0103 Execução Fiscal / Dívida Ativa
Executado: José Vilton Cunha
O que é Interessante: em quase todos os processos o advogado de defesa de José Vilton da Cunha é o seu próprio filho, Marcus Vinícius F. da Cunha (na foto), que por sua vez também responde a vários processos de Improbidade Administrativa, sendo que já foi condenado em 1ª instância em um deles. Tal pai, tal filho. Ou tal filho, tal pai?
É aquela velha história: ningúém sabe quem nasceu primeiro. Se o ovo ou a galinha.
fonte: Robson Pires

Nenhum comentário: